Aula Sistema Endocrino - MATERIAL DO ALUNO

Aula Sistema Endocrino - MATERIAL DO ALUNO

(Parte 1 de 2)

P rof

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th g o -

Enfermeiro Especialista Gestão em Centro Cirúrgico: C.M.E, S.R.P.A – CEEN/PUC Urgência e Emergência / UTI – CEEN/PUC Saúde do Trabalhador – CEEN/PUC Coord. Equipe Multiprofissional / SEMED DOCENTE – Faculdade Integrada Carajás - FIC

Sistema Endócrino EIXO - 04

Enfº. Espc. Diego Santhiago / FIC Anatomia

2 Eixos 01-Anatomia Humana;

Planos e Eixos de construção do Corpo Humano;

Eixos 02 - Osteologia; Artriologia e Miologia;

Sistema Articular; Sistema Muscular

Sistemas Orgânicos do Corpo Humano;

Sistema Endócrino;

Eixos 05 - Sistema Circulatório;

Sistema Respiratório; Sistema Digestivo;

Eixos 06 - Sistema Urinário; Sistemas Genitais ( F / M )

Eixos 07- Sistema Nervoso;

Cronograma

Enfº. Espc. Diego Santhiago / FIC Anatomia

Hábitos de boa convivência

- Respeito ao próximo; -Colocar os celulares no Vibracall;

- Levantar a mão quando solicitar a vez;

-Evitar discursões paralelas;

-Colocar nosso foco (objetivo) em primeiro lugar;

-Conservar nosso local de aula limpo e saudável;

Sistema Endócrino

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino 1)Introdução

O sistema endócrino é responsável pelo controle das atividades metabólicas do organismo. Atua a longo prazo, através de sinais químicos, executados por substâncias denominadas hormônios.

Hormônios são substâncias produzidas e liberadas por determinadas células de glândulas endócrinas e atuam controlando o funcionamento de alguns órgãos.

A ação do hormônio se dá quando este é lançado através da corrente sanguínea pelas glândulas endócrinas, e assim, chegando a célula-alvo, se liga a receptores específicos localizado na superfície das células.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2)Principais glândulas endócrinas humanas

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas I) Hipotálamo

Recebe informações do sistema nervoso e secreta hormônios que atuam sobre a hipófise anterior (adenohipófise).

Hormônios produzidos no Hipotálamo

Atuação

(Estimulação: ) (Inibição: X)

Hormônios produzidos na Adenoipófise

TRH Tireotrofina

CRH Adrenocorticotrófico

GHRH Somatotrófico

GnRH LH e FSH PiF X Prolactina

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas I) Hipotálamo

Possui neurônios que produzem os hormônios (oxitocina e

Antidiurético “ADH”) que são armazenados e liberados pela hipófise posterior (neurohipófise). Neurônios

Liberação de hormônios ADH e Oxitocina

Neurohipófise

Adenohipófise

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas I) Hipófise a) Adenohipófise

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas a) Adenohipófise (Hormônios) I)Hormônio do crescimento ou somatotrófico (GH/SH)

Promove o crescimento das cartilagens e dos ossos Influencia o metabolismo das proteínas, carboidratos e lipídios.

oDeficiência na infância provoca o nanismo. (A) oExcesso na infância provoca o gigantismo. (B) oExcesso no adulto provoca a acromegalia. (C)

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas a) Adenohipófise (Hormônios)

I)Tireotrofina (TSH)

Estimula a glândula tireóide a produzir o hormônio Tiroxina o Deficiência pode causar o hipotiroidismo. oExcesso pode causar o hipertireoidismo

I)Adrenocorticotrófico (ACTH)

Estimula o córtex da glândula supra-renal a produzir os hormônios glicocorticóides (cortisol) Córtex

Tireóide

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas a) Adenohipófise (Hormônios)

IV)Prolactina (LTH)

Desenvolvimento das mamas Produção de leite

Homens (função desconhecida)

V)Folículo estimulante (FSH)

Homem oInduz a produção de espermatozóide

Mulher oPromove o desenvolvimento do folículo ovariano oEstimula o ovário a produzir estrógeno

Glândulas mamárias

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas a) Adenohipófise (Hormônios)

VI)Luteinizante (LH)

Homem oInduz o testículo a produzir testosterona

Mulher oEstimula a ovulação oDesenvolvimento do corpo lúteo (amarelo)

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas b) Neurohipófise

Armazena e libera dois hormônios produzidos pelo hipotálamo

I)Antidiurético (ADH) ou Vasopressina

É liberado quando o volume de sangue cai abaixo de certo nível.

Estimula a reabsorção de água nos rins oDiminui o volume de urina excretado (antidiurético) oRetém água no organismo

Sua deficiência provoca uma perda de água excessiva e muita sede, síndrome denominada diabetes insípidos.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas Antidiurético (ADH)

ADH: Aumenta a permeabilidade dos ductos coletores

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

I)Oxitocina

b) Neurohipófise

Promove contrações no útero durante o parto Contração da musculatura lisa das glândulas mamárias, causando a ejeção do leite. oO Estímulo para a liberação da oxitocina é a sucção da mama pelo bebê.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

I) Tireóide

Localização: no pescoço, logo abaixo das cartilagens da glote. Produz três hormônios:

a)Triiodotironina (T3) b)Tiroxina (T4) c)Calcitonina

a) Triiodotironina (T3) e Tiroxina (T4)

Estimulam o metabolismo energético Aumentam a taxa de respiração celular

O excesso desses hormônios causa o hipertireoidismo oHiperatividade (calor, sudorese) oPerda de peso oNervosismo oExoftalmia (olhos arregalados para fora das órbitas) oBócio (inchaço do pescoço formando um papo)

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

I) Tireóide Hipertireoidismo

Sintomas

exoftalmia bócio

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

I) Tireóide Hipotireoidismo

Deficiência na produção dos hormônios T3 e Tiroxina (T4) pela tireóide. Pode ser causada devido à carência de iodo na alimentação, pois o iodo é parte constituinte dos hormônios da tireóide. Destruição auto-imune da tireóide (tireoidite)

Consequências oDiminuição do metabolismo celular oGanho de peso oBradicardia (desaceleração dos batimentos cardíacos) oMixedema (inchaço da pele) oBócio

Hipotireoidismo na infância: Cretinismo Quadro que se caracteriza pelo comprometimento do crescimento dos ossos e dos dentes e retardamento mental.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

I) Tireóide b) Calcitonina

Atua diminuindo a quantidade do íon cálcio (Ca²+) do sangue e aumentando a concentração deste íon nos ossos.

Ação: Hipocalcemiante

IV) Paratireóides

Localização: Duas de cada lado, atrás da glândula tireóide.

Produz um hormônio: Paratormônio

Paratireóides

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas IV) Paratireóides

Responsável pelo aumento do nível de cálcio (Ca²+) no sangue.
Retira cálcio dos ossos, aumentando o nível deste íon na corrente

Paratormônio sanguínea.

O paratormônio e a calcitonina realizam o controle dos níveis normais de cálcio no organismo.

↑ cálcio no sangue Calcitonina Deposição de cálcio nos ossos

↓ cálcio no sangue Paratormônio Retirada de cálcio dos ossos

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

V) Supra-renais (adrenais)

Localização: sobre os rins Dividida em duas regiões a)Córtex: Região mais externa

Produz os hormônios: Glicocorticóides (aldosterona) e Mineralocorticóides (cortisol).

b)Medula: Região interna

Produz os hormônios: Epinefrina ou (Adrenalina) e Norepinefrina ou (Noradrenalina)

Córtex

Medula RIM

Cortisol Aldosterona

Epinefrina Norepinefrina

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

V) Supra-renais (Hormônios da córtex) a)Glicocorticóides (derivados do colesterol)

Hormônio mais importante: Cortisol ou Hidrocortisona Liberado em situações de estresse oAtua na produção de glicose a partir de proteínas e gorduras (↑ glicemia). oReduz inflamações e alergias oObs.: É controlado pelo hormônio ACTH produzido pela adenohipófise.

b)Mineralocorticóides (derivados do colesterol) Hormônio mais importante: Aldosterona oRealiza a reabsorção de sódio (Na+) e a excreção de potássio (K+) nos rins. oAumenta a pressão arterial e a volemia (volume de sangue circulante). oObs.: É controlado pelo hormônio ACTH produzido pela adenohipófise.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

V) Supra-renais (Hormônios da medula) a)Epinefrina (adrenalina)

Prepara organismo para enfrentar situações de estresse. oContração dos vasos sanguíneos (vasoconstrição). oAumenta a taxa de açúcares no sangue. oRedistribui sangue para os órgãos e músculos.

b)Norepinefrina (noradrenalina)

Atua em conjunto com a epinefrina nas respostas à situações de estresse. oAcelera os batimentos cardíacos (taquicardia).

oMantém a pressão sanguínea em níveis normais.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

VI) Pâncreas

Localização: No lado esquerdo da cavidade abdominal. Glândula mista ou anfícrina (possui porção exócrina e endócrina) Produz dois hormônios: insulina e glucagon (porção endócrina) Produz o suco pancreático (porção exócrina)

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

VI) Pâncreas a)Insulina

Aumenta a permeabilidade da membrana celular à glicose. No fígado a insulina promove a formação do glicogênio.

Ação hipoglicemiante (diminui a quantidade de glicose no sangue).

Produzido pelas células β (beta) das ilhotas de Langerhans.

b) Glucagon

Efeito inverso ao da insulina No fígado o glucagon estimula a transformação do glicogênio em várias moléculas de glicose, que serão enviadas para o sangue. Ação hiperglicemiante (aumenta a quantidade de glicose no sangue).

Produzido pelas células α (alfa) das ilhotas de Langerhans.

Atua após as refeições

Atua nos períodos entre as refeições

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

VI) Pâncreas Ácino

Células β

Vaso sanguíneo

Células α

Ilhota de Langerhans Diabetes Mellitus

Doença em que o indivíduo apresenta altas taxas de glicose no sangue.

Diabetes Tipo I

Causa: Redução das células β do pâncreas, o que leva a uma diminuição da produção de insulina.

Diabetes Tipo I

Causa: Redução do número de receptores de insulina nas membranas das células.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

VII) Gônadas (Testículos e Ovários) a) Testículos (homem): Localizados no interior da bolsa escrotal oSofre influência dos hormônios FSH e LH produzidos pela adenohipófise

Testículos

FSH induz a produção de Espermatozóides

LH Induz a produção de Testosterona

Testosterona (hormônio sexual masculino), produzido no interior dos testículos pelas células de Leydig.

Ação:

Aparecimento dos características sexuais secundárias masculinas (barba, pêlos pubianos, engrossamento da voz, desenvolvimento da musculatura, etc).

Amadurecimento dos órgãos genitais. Libido sexual.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas

VII) Gônadas (Testículos e Ovários) b) Ovários (mulher) localizados no interior da cavidade pélvica. Hormônios produzidos: Estrógeno e Progesterona Sofrem influência dos hormônios FSH e LH produzidos pela adenohipófise

Tuba uterina FSH induz a formação dos folículos ovarianos

(Graaf) e estes produzem estrógeno.

Com o aumento do estrógeno, ocorre o aumento da liberação do hormônio

LH, o qual promove a ovulação e a formação do corpo amerelo (lúteo) que irá produzir progesterona.

Corpo lúteo

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Sistema Endócrino

2) Principais glândulas endócrinas humanas VII) Gônadas (Testículos e Ovários)

Estrógeno oProduzido pelos folículos ovarianos (folículos de Graaf); odetermina o aparecimento das características sexuais secundárias femininas (mamas, pêlos pubianos, acúmulo de gordura em algumas regiões, etc.); oEstimula o desenvolvimento do endométrio para receber o embrião; oinduz o amadurecimento dos órgãos genitais; olibido sexual.

Progesterona oProduzida pelo corpo amarelo (corpo lúteo) que se origina do folículo ovariano rompido durante a ovulação. oJuntamente com o estrógeno, a progesterona atua preparando a parede do endométrio uterino para receber o embrião. oEstimula o desenvolvimento das glândulas mamárias.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

Exercícios de Fixação !!!

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

(FUVEST) Considere as seguintes funções do sistema endócrino: 1- controle do metabolismo do açúcar. 2- preparação do corpo para situações de emergência. 3- controle de outras glândulas endócrinas. As glândulas que correspondem a essas funções são, respectivamente:

a) salivar, tireóide, hipófise. b) pâncreas, hipófise, tireóide. c) tireóide, salivar, adrenal. d) salivar, pâncreas, adrenal. e) pâncreas, adrenal, hipófise.

2) (FUVEST) O hormônio folículo-estimulante induz as células foliculares a liberar estrógeno, responsável pelo crescimento do endométrio. As estruturas relacionadas com a descrição acima são:

a) hipófise, tireóide e testículo. b) hipófise, ovário e útero. c) tireóide, supra-renal e útero. d) pâncreas, ovário e supra-renal. e) pâncreas, tireóide e testículo.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

(FUVEST) Num ciclo menstrual de 28 dias, a ovulação normalmente ocorre:

a) no primeiro dia da menstruação. b) ao redor do 14º dia após o início da menstruação. c) no último dia da menstruação. d) ao redor do 7º dia após o início da menstruação. e) ao redor do 28º dia após o início da menstruação.

(FEEQ-CE) A liberação dos hormônios Antidiurético (ADH), adrenalina e insulina é efetuada, respectivamente, pelas glândulas endócrinas:

a) hipófise, pâncreas e supra-renais. b) pâncreas, supra-renais e hipófise. c) pâncreas, hipófise e supra-renais. d) hipófise, supra-renais e pâncreas. e) supra-renais, hipófise e pâncreas.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

(UFPA-PA) A concentração de glicose é mantida praticamente constante no sangue devido à ação de três hormônios.

a) insulina, adrenalina e glucagon. b) insulina,triiodotironina e tiroxina. c) insulina,adrenalina e tiroxina. d) insulina, tiroxina e glucagon. e) insulina, glucagon e triiodotironina.

7) (UFRGS-RS) Os hormônios gonadotróficos ou sexuais, que entram em atividade no período da pré-adolescência para regerem a vida sexual, agem especificamente sobre as glândulas sexuais, determinando seu crescimento e maturação normal. Indiretamente, são responsáveis pelos caracteres sexuais secundários. A glândula que produz estes hormônios chama-se:

a) pâncreas. b) supra-renal. c) timo. d) tireóide. e) hipófise.

E nfº.

E sp c.

e g o

S a n th iag o /

A n a to m ia

(UFPR-PR) Sabemos que no ciclo ovulatório da mulher há uma interação entre hormônios da hipófise e hormônios do próprio folículo ovariano. A hipófise inicialmente produz o hormônio A que estimula a produção do hormônio B pelo folículo. Após a ovulação, formase o corpo lúteo por estímulo do hormônio C da hipófise. O corpo lúteo secreta, então, o hormônio D. Os hormônios A, B, C e D são respectivamente:

(Parte 1 de 2)

Comentários