P-e comunicação e expressão

P-e comunicação e expressão

Docente: Maria das Graças de Souza Arrebola E-mail: graca@arrebola.com.br Nome da Disciplina: Comunicação e Expressão Curso: Turismo Carga horária Total (horas): 60 horas Aulas: 2 Coordenador de Curso: Profª Michele Leandro da Costa

Ementa:

O ensino de Língua Portuguesa com objetivo de desenvolver nos acadêmicos, habilidades de comunicação oral e escrita, com ênfase na ordenação e transmissão de ideias de natureza científica, literária, técnica e filosófica, tendo como características fundamentais: a objetividade e ordenação lógica dos elementos racionais. Produção textual com utilização da variedade-padrão formal da língua escrita e com observações da unidade, precisão, originalidade, coerência e coesão. Redação comercial e oficial.

Objetivos:

Geral:

Possibilitar ao futuro profissional de Turismo a oportunidade de aprimorar os seus conhecimentos linguísticos, a sua capacidade expressiva e comunicativa, tendo em vista que a língua é o seu grande instrumento de trabalho.

Específicos:

Conceituar as diferenças textuais, a fim de estabelecer os níveis e as variantes linguísticos, observando o popular e o culto e os diferentes níveis de leitura;

Reconhecer os processos de ouvir-falar, ler, interpretar e escrever como veículo de integração social;

Compreender a gramática como instrumento de organização do pensamento, da fala e da escrita, utilizando corretamente os elementos da escrita do texto como pontuação, acentuação gráfica, ortografia, concordância verbal e nominal;

Elaborar redações de cunho narrativo, descritivo e dissertativo, bem como, entender os mecanismos de argumentação, a fim de produzir textos coesos e coerentes, a partir do conhecimento de técnicas de estruturação de períodos e parágrafos;

Estabelecer relações textuais, contextuais e intertextuais.

Conteúdo Programático:

desenvolvimento não o será, pois, com frequência, os conteúdos exigirão cruzamentos e retomadas

O programa da disciplina de Comunicação e Expressão divide-se em 4 (quatro) unidades. Todas contemplam o texto como unidade de ensino e os gêneros discursivos como objeto do referido processo. Não obstante o programa apresente-se fragmentado, cabe salientar que seu

Introdução Apresentação da disciplina e do conteúdo;

Sondagem de domínio da expressão escrita e oral.

Texto: modalidade e funções Texto vs. Linguística;

Texto vs. Semiótica;

Linguagem e comunicação - estruturas profundas

- estruturas superficiais - estruturas de manifestações (oral e/ou escrita) – modalidades; Funções da linguagem;

Análise de textos exemplificativos.

Estrutura do Texto: elementos essenciais Introdução;

Desenvolvimento;

Conclusão;

Coerência e coesão;

Correção gramatical (seminários);

Textos para análise e desconstrução - estratégias de leitura

- da leitura para a escrita; O parágrafo. A frase. O vocabulário.

Produção textual: texto, contexto, intertexto Redação acadêmica;

Redação administrativa;

Redação literária.

Procedimentos Didáticos:

Serão utilizadas aulas expositivas, leituras orientadas, interpretação de textos, dinâmicas de grupo, pesquisas, debates, esquemas, exercícios práticos (individuais e em grupos), trabalhos de campo. Procedimentos do Aluno: Presença e participação nas aulas. Uso do material didático (gramática, dicionário, livros e afins). Citar as principais conclusões das aulas anteriores. Organizar-se individualmente e em grupos; discutir, redigir e executar as questões propostas durante as aulas.

Critérios de Avaliação:

A avaliação na disciplina de Comunicação e Expressão será contínua e sistêmica, levando-se em conta o padrão dos textos produzidos, a participação acadêmica, o desempenho em nível de comunicação oral e os padrões de correção por meio de provas escritas individuais e de trabalhos orais e escritos apresentados individuais e/ou em grupos. Os acadêmicos serão, portanto, avaliados de acordo com a sua participação em todas as atividades propostas, sendo elas:

Exercícios e atividades práticas em aula (ASL Avaliação de Sala de Aula);

Trabalhos escritos e/ou de apresentação oral individual e/ou em grupos (ASL Avaliação de Sala de Aula);

Leitura de textos teóricos: para o acompanhamento das aulas expositivas, para debate e apresentação (ASL Avaliação de Sala de Aula);

Avaliação individual c/ questões de produção de respostas e seleção (ACM – Avaliação de Conteúdos Ministrados); o A nota do acadêmico será assim atribuída:

Avaliação de Conteúdos Ministrados – ACM: avaliações individuais, compreendendo prova escrita ou trabalho produzidos ao longo do bimestre (neste caso os trabalhos estão sendo entendidos como um seminário apresentado ou pesquisa que exijam maior fôlego para a realização); Avaliação de Sala de Aula (ASL): avaliações de tarefas ou trabalhos produzidos individuais e/ou em grupos de aprendizagem durante as aulas, no decorrer do bimestre (neste caso os trabalhos estão sendo entendidos como realização de lista de exercícios, discussão dos textos teóricos, produção de textos, refacção de textos, resenhas, resumos, também será levado em conta a participação em sala de aula – interesse + disciplina + desempenho nas discussões em aula + frequência + pontualidade.).

Avaliação de Sala de Aula (ASL)

Avaliação de Conteúdos Ministrados (ACM) MÉDIA BIMESTRAL o A avaliação levará em conta a criatividade e qualidade do trabalho (argumentação, coesão, coerência, criatividade, qualidade e aplicabilidade dos conceitos e teorias discutidos em sala de aula). o Trabalhos ou provas que apresentarem sinais de cópia, plágio serão desconsiderados, atribuídos nota 0 (zero) e não terão direito à recuperação; o As tarefas e/ou trabalhos entregues fora do prazo terão a nota reduzida em 30% e serão aceitos somente até uma semana após o prazo determinado. Para os que não obedecerem estes prazos será atribuído nota 0 (zero); o Os trabalhos devem ser entregues, impreterivelmente, em sala de aula e nos prazos determinados, manuscritos ou em documento impresso dependendo do encaminhamento prévio; o Provas de 2ª chamada devem obedecer ao disposto na Resolução nº. 1/2003 das Normas e Legislação desta instituição de Ensino Superior. o Será considerado aprovado o estudante que obtiver média igual ou superior a 7,0 (sete) nos quatro bimestres, como o disposto nos termos da Resolução Interna desta instituição de Ensino Superior.

Tendo em vista o que dispõe a legislação educacional específica, só obterá crédito e nota na disciplina o estudante que comparecer, no mínimo, a 75% das aulas ministradas durante o ano letivo. O não cumprimento dessa exigência implica a reprovação do acadêmico, independentemente do resultado das avaliações que ele eventualmente tenha realizado.

Bibliografia Básica: CUNHA, Celso Ferreira & CINTRA, Lindley. Nova gramática do português contemporâneo. 3 ed.

Rio de Janeiro:Nova Fronteira, 2001. FIORIN, José Luiz & SAVIOLI, Francisco Platão. Lições de texto: Leitura e redação. 2 ed. São Paulo:Ática, 1997. GARCIA, Othon M. Comunicação Em Prosa Moderna: Aprenda A Escrever, Aprenda A Pensar. 2 ed. Rio de Janeiro: FGV, 2002. KOCH, Ingedore G. Villaça. A Coerência Textual. São Paulo: Contexto, 2000. _. A Coesão Textual. São Paulo: Contexto, 1999.

BELTRÃO, Mariúsa & BELTRÃO, Odacir. Correspondência: linguagem & comunicação. 2. ed

Bibliografia Complementar: São Paulo:Atlas, 2004. FIORIN, José Luiz & SAVIOLI, Francisco Platão. Para Entender o texto: Leitura e redação. 16. ed. São Paulo:Ática, 2000. MARTINS, Dileta Silveira & ZILBERKNOP, Lúbia Scliar. Português Instrumental. 25 ed. São Paulo:Atlas, 2004. MEDEIROS, João Bosco. Correspondência: técnicas de comunicação criativa. 17 ed. São

Paulo:Atlas, 2004.

Outras Fontes:

Sites interessantes: http://www.portrasdasletras.com.br http://www.pucrs.brmanualred http://www.gramaticaonline.com.br http://www.portaleducacao.com.br/turismo-e-hotelaria/artigos http://turismocriativo.blogspot.com/2010/01/glossario-turistico.html

Apucarana,de 13 de fevereiro de 2012.

Assinaturas

Assinatura do Professor: Maria das Graças de Souza Arrebola

Assinatura dos membros do colegiado

Assinatura do Coordenador de Curso

Comentários