Ordens de servi os

Ordens de servi os

- NORMAS GERAIS DE SEGURANÇA DO TRABALHO

1– OBJETIVOS - Estas normas são de cumprimento obrigatório por todos os funcionários da empresa, independente de funções ou áreas em que estejam lotados. Têm por objetivo disciplinar os procedimentos de todos os empregados, visando estabelecer os critérios mínimos necessários para a sua segurança.

    1. Ordem de serviço OS - 01 Referente a procedimentos gerais

  • Mantenha sempre limpo e em ordem o seu local de trabalho;

  • Conserve as passagens, corredores e escadas desimpedidas, sem quaisquer materiais;

  • Não jogue lixo e materiais sem uso nos pisos habitue-se a usar os lixeiros;

  • Ao constatar óleo, graxas ou outro produto nos pisos, providencie imediatamente a sua limpeza.

  • Nunca mexa em máquinas, equipamentos, botoeiras, válvulas, etc sem autorização ou qualificação para tal;

  • Ao verificar qualquer condição perigosa na sua seção avise imediatamente ao seu chefe ou supervisor;

  • Sempre que tiver dúvidas pergunte, não arrisque, tenha atitudes corretas e seguras;

  • Trabalhe com atenção e cuidado, jamais faça brincadeiras no serviço;

  • Jamais retire as proteções ou dispositivos de segurança das máquinas e equipamentos;

  • Usando ar comprimido, cuidado para não dirigir o jato contra si ou outras pessoas; nunca use ar comprimido par limpar seu corpo ou suas roupas;

  • Somente faça limpeza, lubrificação ou ajustes em máquinas ou equipamentos se os mesmos estiverem desligados

  • Cuidado Escorregões, tropeções e quedas são causados geralmente por:

  • Abas de tapetes ou carpetes em suspensão

  • Café ou outros líquidos derramados no chão

  • Extensões e fios no meio do caminho

  • Gavetas de arquivos abertas

  • Objetos caídos no meio de corredores e etc

  • Use sempre ferramentas apropriadas e certifique-se de que elas não estão gastas ou com defeito.

1.2– OS 02 - Prevenção de incêndio e cuidados na utilização de GLP

  • Somente fume em locais permitidos, jogando as pontas de cigarro e palitos de fósforo nos cinzeiros.

  • Ao terminar o expediente, desligue o equipamento elétrico sob sua responsabilidade.

  • Mantenha desimpedido o acesso aos extintores e sistema de hidrante.

  • Manter os combustíveis inflamáveis em recipientes próprios, fechados e devidamente rotulados, longe do alcance dos “curiosos”;

  • Não improvisar instalações elétricas porque elas sobrecarregam os circuitos, provocando aquecimento e fogo;

  • Desligar equipamentos elétricos que não estiverem em uso;

  • Colocar botijões de gás com vazamento em locais ventilados e longe de fontes de calor;

  • Localização e eliminação das fontes de calor que possam gerar incêndios;

  • Após utilizar um extintor de incêndio, deixe-o no chão na posição horizontal(deitado) mas fora das áreas de circulação;

  • Após a ocorrência do incêndio evite abrir janelas pois a entrada de oxigênio contribuirá para aumentar o fogo;

  • Todo recipiente de GLP, deve ficar protegido do sol, da chuva e da umidade, em local com ventilação natural de preferência do lado de fora das instalações;

  • A mangueira nunca pode passar por detrás do fogão. O calor danifica o plástico, provocando rachaduras e possíveis vazamentos

  • Nunca vire ou deite o botijão, pois caso ainda exista algum resíduo de gás ele poderá escoar na fase líquida, o que anula a função do regulador de pressão e pode provocar graves acidentes

  • Antes de trocar o botijão verifique se todos os queimadores estão desligados, jamais efetue a troca na presença de chamas brasas ou faíscas;

  • Par verificar se há vazamento de gás depois de trocar o botijão, passe uma esponja com água e sabão sobre a conexão do cone-borboleta com a válvula. Se houver vazamentos, aparecerão bolhas de ar na espuma de sabão;

  • Pode ocorrer vazamento de gás se o cone-borboleta não estiver bem ajustado á válvula. Neste caso desenrosque o cone-borboleta e repita a operação de instalação.

  • Se o vazamento continuar, não tente eliminá-lo de maneira improvisada, com cera, sabão ou qualquer outro produto, o botijão deve estar com defeito. Desatarraxe o cone-borboleta, coloque o botijão em local arejado e ligue imediatamente para a empresa que lhe vendeu o gás – o nome da empresa deve estar gravado no lacre do recipiente. Se não souber o nome da empresa chame os bombeiros através do telefone 193;

  • O GLP é mais pesado que o ar e quando há vazamento, vai se acumulando a partir do chão, expulsando o oxigênio e preenchendo o ambiente. Ele não é tóxico, mas tem efeito anestésico. Dependendo da quantidade pode levar a morte por asfixia;

  • Ao receber recipientes, verifique s ele está em boas condições, recipientes amassados, enferrujados ou com defeitos devem ser evitados;

  • Ao detectar um vazamento no cilindro ou instalação, feche imediatamente todas as válvulas interrompendo o fluxo de gás, desligue a chave da eletricidade(geral do setor) para evitar possíveis faíscas de algum aparelho elétrico, procure ventilar o local abrindo portas e jan0elas

1.3– OS 03 - Levantamento, transporte e empilhamentos manuais

  • Ao erguer pesos faça-os de maneira segura, isto é, dobre e use as pernas, não as costas;

  • Para levantar ou transportar cargas pesadas ou desajeitadas, peça auxílio para os colegas de trabalho;

  • Ao transportar materiais nos braços, não os empilhe de forma a cobrir sua visão;

  • Ao empilhar materiais use técnicas de amarração, mantendo a pilha ou bloco no prumo e alinhamento.

  • Ao transportar volumes sobre carrinhos sempre empurre, ao invés de puxar;

  • Evite torcer o corpo ao levantar e conduzir um objeto pesado, faça um giro com os pés ou com o corpo inteiro dando pequenos passos.

    1. OS 04 – Trabalho em computadores

  • Certifique-se de que o monitor está no mesmo nível de seus olhos para que a fadiga do pescoço, em decorrência do inadequado posicionamento da cabeça, seja evitado;

  • O teclado deve estar no mesmo nível de seus cotovelos e levemente voltados para você, para que seus pulsos se mantenham relaxados;

  • Prenda o documento do qual esteja fazendo uso num suporte situado a sua frente, evitando assim, o cansaço dos olhos e pescoço;

  • Use uma pequena almofada sob seus pulsos para prevenir contra o cansaço e a dor;

  • Tente reduzir, ou mesmo eliminar, os reflexos na tela de seu monitor causados por lâmpadas que estejam próximas a você, são medidas eficazes: usar filtro para reduzir a luminosidade de sua tela, fechar as persianas das janelas próximas ou até mesmo, deslocar sua mesa de trabalho par evitar a incidência da luz direta;

  • Utilize sempre que possível uma cadeira giratória par Ter seus movimentos facilitados;

  • Ajuste a altura do assento de sua cadeira de tal forma que, quando você estiver sentado, seus pés fiquem na horizontal, no plano do piso. Suas pernas e coxas devem formar um ângulo reto, tendo os joelhos como vértice;

  • Ajuste a distância entre a cadeira e sua mesa de trabalho par evitar que você tenha de se curvar no exercício de suas atividades;

  • Aproveite os pequenos intervalos que eventualmente possam surgir durante o período de trabalho para um breve alongamento, mudança de postura, uma boa respirada, como forma de aumentar a circulação sangüínea, aliviar as tensões e melhorar seus reflexos.

    1. OS 05 - Transporte de Produtos Perigosos

  • Verificar o estado geral do veículo, motor, chassis, freios, direção, pneus, sistema elétrico, carroceria, tanque, válvulas, instrumentos, extintores, abastecimento, óleo, etc.

  • Verificar se os documentos do motorista, do veículo e da carga estão em ordem.

  • Ler a Ficha de Emergência (FE) com atenção, procurando eliminar todas as dúvidas

  • Tomar conhecimento do itinerário a ser percorrido e das alternativas que ofereçam menor probabilidade de risco.

  • Verificar se os rótulos de risco e os painéis de segurança conferem com os dados da FE e Nota Fiscal.

  • Levar o triângulo de segurança na cabine ao alcance da mão bem como o extintor.

  • Não fumar.

  • Não parar próximo a fogo ou queimadas.

  • Evitar estacionar próximo a outros caminhões ou em lugares congestionados.

  • Nunca parar na estrada, se não puder evitar, faça sinalização adequada.

  • Nunca abandone seu veículo, a não ser para comunicar as autoridades da ocorrência de algum acidente.

  • Não transportar na cabine produtos que emanem vapores ou pós que possam ser aspirados.

EM CASO DE EMERGÊNCIA:

  • Levar o veículo, se possível, para área de menor movimento.

  • Usar equipamento elétrico a prova de explosão e ferramentas á prova de faísca.

  • Evitar qualquer fonte de ignição numa área de 150 m em torno do veículo.

  • Manter, com educação e energia, o público curioso longe da área de risco.

  • Aguardar socorro.

  • Providenciar, imediatamente, a notificação ao corpo de bombeiros (telefone 193) e á Polícia Rodoviária, dando todas as informações sobre o produto, naturezas da emergência, localização do veículo, conforme FE e Envelope para o transporte.

  • Parar o motor do veículo e desligar a instalação elétrica.

  • Não fumar, mesmo após a ocorrência da explosão; ela pode Ter sido parcial.

  • Vestir e utilizar o EPI(Equipamento de Proteção Individual).

  • Posicionar o veículo de maneira que os ventos soprem em sentido contrário ao das povoações.

  • Conduzir o veículo para um local que não ofereça perigo de incêndio ou de intoxicar a população.

  • Procurar evitar que o material que esteja vazando vá para as “bocas de lobo”.

    1. - 0S 06 - Movimentação e Armazenamento de Agrotóxicos

  • Ao empilhar as embalagens, siga as recomendações do fabricante no que diz respeito a altura das pilhas de sacos, latas e caixas.

  • Lembre-se de que ao pegar e carregar as embalagens de agrotóxicos, além das luvas e da máscara, você deve usar avental impermeável.

  • Nunca armazene agrotóxicos juntamente com alimentos, medicamentos ou produtos para consumo animal.

  • Não fume, não se alimente e nem beba qualquer líquido, sem antes lavar as mãos e rosto com bastante água e sabão.

  • Armazene as embalagens de produtos de forma líquida, de maneira que o fecho ou tampa fiquem voltados para cima.

  • Não permita o acesso de animais ou pessoas estranhas ao depósito de agrotóxicos.

  • Mantenha o depósito de agrotóxicos sempre seco e ventilado, isso evita que as suas embalagens sejam danificadas.

  • Use os equipamentos de proteção individual para efetuar qualquer tipo de trabalho dentro do depósito botas, luvas, avental impermeável, óculos e máscara. A utilização de tais equipamentos o protegerá de acidentes por intoxicações.

  • Se durante o trabalho você for atingido pelo produto, lave imediatamente a parte atingida com água corrente e sabão.

  • As roupas que forem contaminadas por agrotóxicos devem ser lavadas separadamente das demais roupas da família e nunca por mulheres grávidas ou crianças.

  • Nunca fazer uso de produtos fumigantes no interior dos depósitos: Os fumigantes são agrotóxicos que atuam em forma de gases ou vapores, embora possam ser comercializados em forma líquida ou sólida. São usados principalmente para proteger produtos armazenados contra o ataque de insetos ácaros e roedores, todos os fumigantes são absorvidos rapidamente por vias respiratórias ou pele.

  • Não coma ou fume ao manusear produtos tóxicos.

  • Obedeça as placas de sinalização e advertência dos depósitos; “CUIDADO VENENO”.

  • Embalagens com vazamento os cuidados no manuseio deverão ser redobrados.

  • Mantenha o depósito de produtos tóxicos sempre trancado.

  • Em caso de princípio de incêndio use extintor apropriado (CO2 ou pó químico seco).

  • Em caso de acidente com o produto procure imediatamente seu superior para serem tomadas as devidas providência.

6

Comentários