Introdução a mapas mentais

Introdução a mapas mentais

(Parte 1 de 7)

Lavar Revisão

Tirar!

Cozinha Consertar

Contas Quarto

Uma ferramenta de organização, aprendizado e produtividade

Versão 2.1 - Novembro/2002 w.mapasmentais.com.br

Editor e Webmaster dos sites

Mapas Mentais – ferramentas da sua inteligência – w.mapasmentais.com.br

Possibilidades – percepções e estratégias para suas inteligências - w.possibilidades.com.br Email: webmaster@mapasmentais.com.br

1. O primeiro mapa mental a gente nunca esquece3
2. Por que aprender e usar mapas mentais5
Memorização não é o problema6
3. Benefícios e vantagens de mapas mentais6
Benefícios pessoais7
Materiais7
Pensamento7
Emocionais7
Efeitos nas decisões8
Times, grupos e turmas8
Sociedade8
4. Como usar mapas mentais8
Para planejamento8
Para memorização e lembrança9
Para aprendizagem9
5. Mapas mentais para você usar9
Piadinhas10
Churrasco1
Lista de compras12
Como dar nós em gravatas13
Preposições de inglês14
6. Aplicações por área de atuação14
Qualquer pessoa14
Donas e donos de casa15
Empresários15
Estudantes e aprendizes15
Grupos e times15
Líderes15
Professores15
Publicitários16
Redatores e escritores16
Webmasters e webdesigners16
7. Mapas mentais em ação16
Economia de 1 milhões de dólares16
Controlando o quase incontrolável17
8. Seus próximos passos18

Este arquivo foi gerado com o programa PDF Livre, disponível em w.baciotti.com.br

INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 3

Original do site Mapas Mentais – w.mapasmentais.com.br 2002 Virgílio Vasconcelos Vilela

1. O primeiro mapa mental a gente nunca esquece

José Maria é um sujeito ocupado: é analista, professor, aluno, pai e tem um site. Ele costuma ter várias coisas para fazer, e gosta de registrá-las para não esquecer nada. Inicialmente, ele fazia uma lista simples, anotada em um papel qualquer:

- Lavar o carro - Levar o carro para revisão

- Consertar vazamento da pia da cozinha

- Pagar a conta telefônica

- Tirar dinheiro

- Trocar a lâmpada do quarto

Depois, José Maria descobriu que ficava melhor agrupando os itens:

Carro - Lavar

- Levar para revisão

Casa - Consertar vazamento da pia da cozinha

- Trocar lâmpada do quarto

Finanças - Pagar conta telefônica

- Tirar dinheiro Mas José Maria gostou mesmo quando achou um programa muito legal para fazer mapas mentais, e, depois de uma versão inicial e algumas mexidas, ele fez o seguinte para aquelas mesmas coisas a fazer:

Lavar Revisão

Tirar!

Cozinha Consertar

Contas

Quarto

Agora, José Maria, que tem dúzias de coisas para fazer, agora só usa esse tipo de mapas mentais para lembrar-se delas.

INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 4

Original do site Mapas Mentais – w.mapasmentais.com.br 2002 Virgílio Vasconcelos Vilela

E ele, que é analista, professor, aluno, pai e tem um site, usou os mapas de várias maneiras: para planejar aulas e apostilas, apresentar resumos para os alunos, elaborar relatórios e até para organizar melhor sua autocrítica, registrando os vários aspectos e enfoques possíveis. Convicto das vantagens, resolveu organizar as aplicações de mapas mentais também em um mapa, onde considerou cada uma de suas atividades e inseriu mais um tópico para a parte pessoal (veja próximo mapa mental).

Aplicações de mapas mentais

Analista

Pessoal Objetivos

Organização Priorização

Relatórios PlanejamentoProfessor

Planos de aula

Apostilas Resumos

Leituras rápidas

Auto-crítica aspectos enfoques

Coisas para fazer

Palestras Palestras

Aluno

Resumos de aula

Revisão Trabalhos

Site

(Parte 1 de 7)

Comentários