AC Capitulo 1 Sistemas Numeração

AC Capitulo 1 Sistemas Numeração

(Parte 1 de 3)

terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 Francisco Fechine Borges terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009

Sistemas de N u mer aç ão

Sistemas de Sistemas de

N u mer a N u mer açç ão ão

Prof. Francisco Fechine Borges Prof. Francisco Fechine Borges fechine- uol @uol. co m. br

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 3

Sistemas de Numeração Sistemas de Numeração

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

O sistema de numeração mais conhecido éo decimal. Possui 10 dígitos (0 a 9).

A cada sistema de numeração corresponde uma base numérica: 2, 8, 10, 16.

O sistema binário possui dois dígitos (0 e 1).

O octalpossui ? dígitos (0 a ?).

O hexadecimal possui 16 dígitos (0 a 9, ? a ?). E um sistema de base 5??

A seguir temos uma tabela que converte os dezesseis primeiros números decimais (0 a 15) nos seus equivalentes nos sistemas binário, octale hexadecimal.

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 4

Tabela de Conversão entre Bases Tabela de Conversão entre Bases

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

Tabela 1 Tabela 1

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 5

A importância de conhecer as bases numéricas A importância de conhecer as bases numéricas

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

Éfundamental conhecermos como converter números entre as diversas bases. Exemplos:

Se um determinado programa de diagnóstico para micros informa que há8B000H (o “H”indica que este número estáem notação hexadecimal) de memória convencional disponível naquele momento, o que representa este valor, em decimal ?

No desenvolvimento de programas em linguagem Assemblytambém émuito importante o conhecimento das bases numéricas, principalmente as bases 2 e 16.

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 6

Conversão entre bases Conversão entre bases

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

Cada dígito binário tem peso relativo àsua posição, como no sistema decimal (diz-se que são sistemas posicionais). Para convertermos um número binário para decimal, fazemos a soma dos produtos dos dígitos por seus pesos relativos. Exemplo:

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 7

Conversão entre bases Conversão entre bases

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

O mesmo conceito da conversão anterior se aplica àconversão octal- decimal. Exe mplo:

Faça a conversão!

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 8

Conversão entre bases Conversão entre bases

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

O mesmo conceito da conversão anterior se aplica àconversão hexadecimal- decimal. Exe mplo:

Faça a conversão!

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 9

Conversão entre bases Conversão entre bases

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

A técnica para esta conversão éfazer divisões sucessivas por 2, sendo o número binário final constituído pelos restos das divisões mais o último quociente, agrupados em ordem inversa. Exemplo:

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 10

Conversão entre bases Conversão entre bases

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

CONVERSÃO DO SISTEMA DECIMAL PARA O OCTAL O processo de conversão ésemelhante ao anterior. Exemplo:

Capítulo 1 –Conceitos Básicos terça-feira, 1 de agosto de 2009 terça-feira, 1 de agosto de 2009 1

Conversão entre bases Conversão entre bases

Capítulo 1 –Sistemas de Numeração

(Parte 1 de 3)

Comentários